Você já assistiu Eden? O filme que conta a história da era mais famosa da cena eletrônica da França dos anos 90, passando por nomes essenciais, como Cassius, Air e Daft Punk, e está ganhando repercussão em festivais por onde passa.

A obra de Mia Hansen-Love retrata a juventude dos anos 1990, apaixonada por música eletrônica, vivendo cada dia de maneira intensa e inconsequente. Este tema costuma ser retratado nos cinemas com imagens coloridas, ágeis, extremas, em uma espécie de “estética ecstasy”, como diria a diretora, num ambiente que mistura melancolia e contemplação.

A história do duo robótico é um dos roteiros da trama que tem como fio condutor o DJ Sven Løve, um adolescente recém-saído de crises amorosas quando se viu em meio a festas em clubes fumando e bebendo vinho barato.

Hansen-Love usa luzes de aparência natural, atores principais sem experiência profissional e uma montagem fluida, combinando de maneira orgânica e equilibrada os letreiros em tela com dezenas de trechos de música eletrônica.

Plasticamente, Eden é um filme encantador, por extrair de lugares fechados e cores neutras uma espécie de poesia do desencantamento. A cineasta demonstra carinho e respeito por todos os personagens, abstendo-se de julgamentos. Nenhuma ação é mais importante que a outra, não existem grandes reviravoltas, apenas uma alternância de sucessos e fracassos.

O filme é garantia de música boa: os valores pelos direitos de quarenta faixas eram muito altos, mas artistas como o próprio Daft Punk resolveram doar algumas canções para a trilha sonora. No caso deles, “Da Funk”, “One More Time” e “Within”.

Assista o trailer de Eden:

Related Posts

Comentários

Comentário