A banda amazonense Luneta Mágica é daqueles encantos que devem grudar nos primeiros acordes. E assim faz. O último disco “No Meu Peito” (2015) foi considerado por vários sites especializados como um dos melhores do ano e não é por menos. Uma  combinação de melodias e letras contundentes formam um trabalho que ganha reconhecimento e se consolida no cenário musical.

Mas vamos por partes. Começando pela faixa que abre e dá nome ao disco, “No meu peito” chega rasgando e mostrando que a cadencia da banda é capaz de transportar e fazer o perder-se em pensamentos ser tão bom, e então levemente nos entrega a próxima faixa “Lulu”, uma música feliz, com um refrão fácil e bem colocado.

“Acima das nuvens” chega na vibe da música anterior, mas ainda é mais doce. Ela conta um encontro e é possível se pegar pensando nos seus encontros e seus desencontros, num arranjo envolvente, que ainda te deixa balançar…

Preparando o clima pra “Mônica” (!!!), onde a banda apresenta uma canção intimista, aliás, o disco segue em um manejo de contrapontos. Uma linha ténue entre a sensação intimista ao mesmo tempo que te toma em frenesi por uns instantes e depois te acalma novamente e esse desenho musical se perfaz por todo o disco.

11895951_1034644766568050_9012596659736478880_n

“Só depois” e “Preciso” são leves e pedem um beira-mar, ou uma noite de luar… Têm uma levada pra uma boa madrugada criativa e embalam alguns devaneios, até “Mantra” estender os braços e te tirar da órbita de vez! Lembra quando eu disse sobre esse desenho entre a calmaria e a excitação?! Pois bem, “Sem perceber”, você estará dançando. A música traz uma balada mais eletrônica, com distorção, um verdadeiro desbunde de experiência.

Aproveitando a distorção e a euforia do clima, “Tua presença” chega forte, e tem uma presença visceral, enquanto “Lembra” e “Rita” se encarregam de encerrar o álbum em alto estilo, com uma bateria marcada e aqueles versos redondinhos, feitos para ficarem na ponta da língua e acompanhar os pés no movimento que as duas músicas pedem, e quando o disco termina, só lhe restar dar o play novamente e compartilhar com os amigos a descoberta dessa nova banda.

Related Posts

Comentários

Comentário