Em dezembro do ano passado, o Rio de Janeiro recebeu o maior casamento coletivo homoafetivo do mundo, e agora chegou a hora dos casais de Salvador realizaram o sonho de trocar as alianças. A cidade se prepara para receber seu primeiro casamento coletivo LGBT.

A cerimônia irá acontecer no dia 10 de junho. A informação foi divulgada pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA), que comanda o projeto ‘Sim ao Amor – Casamento Coletivo LGBT’. A ação tem o objetivo de promover o reconhecimento social e judicial das uniões homoafetivas em Salvador.

O matrimônio coletivo será realizado no auditório do MP-BA, no Centro Administrativo da Bahia (CAB). Conforme o órgão, os casais interessados em participar do matrimônio coletivo podem procurar a sede do Grupo de Atuação Especial em Defesa da Mulher e da População LGBT (Gedem), que fica no Jardim Baiano, no bairro de Nazaré.

Veja também: PEDIDO DE CASAMENTO DENTRO DE METRÔ LEVANTA DEBATE SOBRE UNIÃO GAY NA CHINA

No local, os interessados terão acesso a informações, orientações e encaminhamentos sobre os procedimentos de habilitação que devem ser realizados junto aos cartórios de registro civil de pessoas naturais dos subdistritos de Brotas e da Vitória.

O órgão diz que irá disponibilizar uma equipe multidisciplinar, formada por psicóloga, assistente social e advogada, para atender os interessados. O ‘Sim ao Amor’ é uma iniciativa do Gedem, do Grupo de Atuação Especial de Proteção dos Direitos Humanos e Combate à Discriminação (Gedhi) e do Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça Cíveis, Fundações e Eleitorais (Caocife), com a colaboração de movimentos sociais ligados às questões LGBT.

Casais interessados podem procurar a sede do Gedem, no Jardim Baiano.

Related Posts

Comentários

Comentário