Lord Ivar Mountbatten, de 53 anos é integrante da família real britância, primo da Rainha Elizabeth II e revelou nessa semana ao jornal The Telegraph que passou toda a sua vida lutando contra sua orientação sexual.

“Ser um Mountbatten nunca foi o problema, foi a geração que nasci. Quando eu cresci, era conhecido como ‘o amor que não ousa dizer seu nome’, mas o que é incrível agora é o quão longe nós chegamos em termos de aceitação”, revelou ao jornal.

Pai de três filhas, divorciado de Penelope Thompson com quem foi casado por 17 anos, Mountbatten não só se assumiu publicamente mas também apresentou seu companheiro, James Coyle, de 54 anos. Ele diz que ter encontrado Coyle foi uma dádiva, pois não irá envelhecer sozinho e nem terá que esconder sua homossexualidade para mais ninguém.

gay realeza

“Nunca pensei que iria casar porque não queria ser falso. Penny estava consciente antes de nos casarmos. Disse-lhe que era bissexual, que a minha atração era em ambos os sentidos. Ela foi compreensiva e serei-lhe sempre grato. Tivemos bastante diversão, três filhas fabulosas e não lamento qualquer fase da minha vida”, explicou, numa entrevista ao jornal Daily Mail.

“Sair do armário é uma frase tão engraçada, mas é o que eu suponho que eu fiz de uma forma bastante rotunda, saindo para um lugar que eu estou feliz. Tenho lutado com a minha sexualidade e de certa forma eu ainda faço. Tem sido uma verdadeira jornada para chegar a este ponto”, disse Mountbatten.

Related Posts

Comentários

Comentário