O ator Jesuíta Barbosa (da minissérie Nada Será Como Antes) deu início à nova edição do ciclo de leituras dramatizadas Todas as Noites São de Sonhos, no Solar de Botafogo, na segunda (23).

Ao lado da atriz Séfora Rangel (da novela A Regra do Jogo), ele leu o texto Mão Na Face, interpretando uma travesti com conflitos existenciais antes de subir no palco de um inferninho para fazer uma apresentação. No fim da sessão, que teve recorde de público no projeto, de acordo com os organizadores, Jesuíta recebeu incontáveis elogios de uma plateia bem impressionada.

O ator, que passou a maior parte da encenação apenas de meias e um minishort, havia feito uma única leitura da peça antes da apresentação. Mas se diz grande fã do autor do texto, Rafael Martins, do Grupo Bagaceira de Teatro, sediado em Fortaleza. Agora, é entusiasta de montar o espetáculo. Séfora e Gilberto Gawronski (de Ato de Comunhão), que dirigiu a leitura, também são entusiastas da montagem.

Mão Na Face acompanha o diálogo de uma travesti e uma prostituta no camarim de um inferninho, cheios de crises existenciais e pensamentos suicidas. “É uma peça bonita de ler em uma época tão de pós-dramáticos”, diz o diretor, “ela traz um olhar importante sobre essa temática, não um olhar de cima, mas um olhar horizontal”.

Outros artistas também marcaram presença, doando alimentos não perecíveis e fraldas geriátricas. Todos os itens serão revertidos para a Casa de Ramana, instituição que presta auxílio a idosos carentes e suas famílias. Na próxima segunda (30/1), a leitura será de Sede, de Wajdi Mouawad, mesmo autor de Céus e Incêndios.

CICLO DE LEITURAS: seg, 21h. Entrada: alimentos não perecíveis ou fraldas geriátricas. De 23 de janeiro até 20 de fevereiro. Solar de Botafogo – Rua General Polidoro, 180 – Botafogo. Tel: 2543-5411.

Via: Teatro em Cena

Related Posts

Comentários

Comentário