O estado americano de Michigan (EUA) entrou para a história como o primeiro lugar do mundo a registrar um caso em que mãe e filho iniciaram o processo de transição de gênero. Erica e Corey Maison, moradores de Detroit, agora serão tratados como pai e filha.

O fato, noticiado pelo tabloide inglês The Mirror, além de inédito, está se revelando também, uma grande lição de amor familiar. Há quatro anos, Corey, então com 15  anos, contou aos pais que era transgênero e, por isso, gostaria de passar pelo processo de readequação de gênero. “Eu queria fazer meus pais orgulhosos de quem eu era, mas pensei que eles não fossem gostar”, contou.

Mas foi somente no ano passado que Erica, revelou à família também ser transgênero e disse que iniciaria sua mudança de gênero. Pai e filha, agora, contam com o apoio um do outro para lidar com a transição.

transgênero

Eric, antes e depois de dar início a transição.

Agora com o nome no masculino, Eric, que possui outros cincos filhos além de Corey, disse em entrevista ao The Mirror, que quando sua filha se descobriu transgênero, ele também já sentia que havia “nascido no corpo errado”, mas tentava entender como tudo estava acontecendo com sua filha, até compreender que era possível viver em plenitude.

“Tive medo do futuro, de como o resto da minha vida seria”, disse ele, que já se submeteu a uma dupla cirurgia de mastectomia, e que conta com o apoio da família, que também sempre esteve ao lado de Corey. Eric afirmou que seu esposo Les Maison foi incrivelmente solidário com a revelação. “Foi um segredo terrível para se manter longe de minha família. Nosso relacionamento é realmente mais forte e melhor do que nunca nos últimos 10 anos que vivemos juntos”.

Related Posts

Comentários

Comentário