O que é ser homem? Definitivamente ter uma genitália é muito pequeno para a imensidade que são os gêneros, e a masculinidade, como expressão de gênero se orienta em construções sociais. Barba é coisa de homem? Foi pensando nessas configurações que o fotógrafo Mark Leeming criou a série fotográfica Bearded Brutes (Brutos Barbados em tradução livre).

O projeto explora uma vastidão de expressões em 20 histórias de homens exibindo suas barbas cheias de glitter, que brincam com os espaços delimitado socialmente para os gêneros tidos como padrão.

Gostei da ideia de testar os limites dos estereótipos de mulheres versus homens. Estava assistindo muito Ru Paul’s Drag Race e convenci vários amigos a fazer o mesmo”, conta.

“Quando decidi começar Bearded Brutes, decidi que ia usar minhas recém-adquiridas habilidades de maquiador em todos os caras. No final das contas, virou uma série de retratos coloridos, kitsch e pop que não estão nem aí para os gêneros. Cada um tem uma história e reflete o modelo escolhido”, explica.

Leeming queria mostrar homens gays de maneira quase ambígua. “É tanta pressão para se conformar aos gêneros, mas por quê? Por que temos de nos definir como gay, bi, trans, hétero, gênero neutro etc? A sociedade como um todo tem um papel importante em forçar as pessoas a decidir quem são e o que querem. Para mim não, obrigado.”

Para as fotos, a inspiração foi o desejo de produzir algo que chamasse a atenção, seja pela individualidade, cor e personalidade. “Elas têm uma cara meio pop-art kitch, o que eu adoro. O mundo virou um lugar sombrio e perigoso ultimamente – queria acender a luz.”

Veja algumas das fotos do projeto Bearded Brutes:

Com informações do The Huffington Post | Fotos: Mark Leeming

Related Posts

Comentários

Comentário