A cantora e compositora Ana Sucha lançou no mês passado o clipe para a música Uma Mulher Feliz, e conta a história de uma filha que ainda não “saiu do armário”, e gera uma série de questionamentos na mãe, chegando a incentivar a filha a se arrumar para conseguir um namorado.

Até que ela faz a grande revelação: “Mamãe, há mais de um mês, tô namorando a Inês, nem reparei no rapaz”. A canção traz como marca o bom humor de Ana Sucha, para falar das situações tragicômicas da vida. É esse jeito simples e profundo que a cantora se torna uma voz importante de resistência e orgulho.

“Eu sempre senti muita falta de mulheres lésbicas ou bissexuais falando abertamente sobre isso, nas músicas principalmente. Eu vejo isso como uma forma de militar, uma forma de fazer política, sabe? De mostrar ‘Olha tô aqui com outra menina e isso tinha que ser visto de uma forma natural’, ou ‘Ei, você que sente coisas por outra menina, tamos juntas querida, você não é alguém pior por isso e  pode não ser ‘uma fase’ (risos)”, diz Ana.

Com roteiro e direção de Zé Pereira, o clipe foi gravado no Centro de Tradições Nordestinas, também conhecido como Feira de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, e combina com o tecnobrega da canção. E a data de lançamento do clipe não poderia ter sido melhor escolhida. Foi no dia 29 de agosto. Dia da Visibilidade Lésbica.

“Esse dia foi firmado para mostrar que existimos. E acho que lançar trabalhos artísticos, ou pesquisas, ou quaisquer expressões que tragam visibilidade para o tema, é positivo para nos reconhecermos e nos fazermos reconhecidas para a sociedade. Principalmente para sentirmos que não estamos sozinhas nesse mundo, ainda muito difícil para nós”, conta.

Assista ao clipe de Uma Mulher Feliz, de Ana Sucha.

Related Posts

Comentários

Comentário