Terminou neste domingo (10), a Bienal do Livro, no Riocentro (RJ), e no sábado, aconteceu uma mesa redonda sobre literatura LGBT dentro da Arena #SemFiltro, com a mediação do diretor e roteirista Felipe Cabral, junto com os youtubers Lorelay FoxMaicon Santini e Renato Plotegher Jr.

Partindo do livro “Over The Rainbow – Um conto de fadxs“, eles conversaram sobre a importância da representatividade LGBT na literatura.

“Eu sou da época em que o mundo não tinha internet. Hoje em dia o adolescente tem muito mais acesso à informação. E aí vem a importância do trabalho dos Youtubers. As pessoas tem muitas dúvidas a respeito da sexualidade”, comentou Renato Plotegher Jr, do canal Chá dos 5.

“Além de você conseguir se identificar com personagens que não existem em outras mídias, você tem a chance de entrar em contato com personagens como é o caso dos não-binários, que é um assunto pouco falado. Como é o caso das travestis na prostituição”, lembrou a drag queen Lorelay Fox.

“A gente cresce vendo contos da Disney que nunca tem o príncipe e o príncipe. A gente nasce num mundo em que eu penso: ‘Onde que eu me encaixo nisso tudo?’ Espero que chegue o dia em que nenhum de nós seja visto como uma exceção, como o diferente”, explica Maicon Santini.

“Eu era a louca do auto ajuda. Eu tentava ler livros de relacionamentos, mas o primeiro que eu li foi “Homens são de Marte, mulheres são de Vênus”. Eu pensei: “Gente, eu sou de Plutão, então!”, brinca Lorelay.

Confira os bastidores do evento, e todo o bate papo, na cobertura especial que o Eu Leio LGBT fez!

Related Posts

Comentários

Comentário