Estamos chegando perto do Dia das Crianças, e hoje o Eu Leio LGBT resolveu falar sobre três livros feitos para nossos baixinhos e baixinhas. Em Olívia tem dois papais, de Márcia Leite, conhecemos a fofa Olívia e seu convívio com o papai Luís e o papai Raul. Uma ótima leitura para mostrar que todas as famílias existem e são construídas com muito amor!

Outro livro nacional, A princesa e a costureira, de Janaína Leslão, é um conta de fadas, uma história de princesa, príncipe, reis e rainhas. Nesta fábula, a princesa acaba se apaixonando pela doce costureira que faz seu vestido. O rei, furioso, prende a própria filha no castelo, tudo para impedir que as duas fiquem juntas.

Porém, quando a rainha sofre um grave acidente, ele promete a mão da princesa a quem salvar sua esposa. Mas, e se a costureira for essa pessoa? O rei vai permitir que as duas se casem? É uma fofura só, pra se ler antes de dormir pra filhota ou filhão. Um detalhe super bacana, a princesa e sua família são negros. Leitura super inclusiva!

O último livro é o espanhol Mi primer amor (Meu primeiro amor), de Brane Mozetic, contando a história de dois meninos de 6 anos que se conhecem num jardim de infância e criam um laço afetivo. O bonito é ver o amor ingênuo dessa idade, nada sexualizado, totalmente pueril. Fofo demais!

Pra ver a resenha contada pelo querido Felipe Cabral, é só clicar no link e conferir o vídeo no canal! Tem literatura sendo feita para nossas crianças LGBT, então, papais e mamãe, vamos aproveitar!

Related Posts

Comentários

Comentário